Podcasts de história

Dominante-AM-431 - História

Dominante-AM-431 - História

Dominante

Governar ou controlar.

O primeiro Dominante (AMC-76) serviu como não comissionado durante 1941-1946, vinculado ao 3º Distrito Naval e ao Comando Naval do Rio Potomac.

Dominante II

(AM-431: dp. 620; 1. 172 '; b. 36'; dr. 10 '; s. 16 k .; cpl.
74; uma. 1 40 mm .; cl. Ágil)

O segundo Dominante (AM-431) foi lançado em 5 de novembro de 1953 por C Hiltebrant Dry dock co Kingston, N.Y., patrocinado pela Sra. B. S. Hiltebrant, e comissionado em 8 de novembro de 1954, Tenente S. F. McMurray no comando.

Após extenso treinamento em Key West, Flórida, Dominante se apresentou em seu porto de origem, Charleston, S.C., em 16 de abril de 1956, para o serviço na Mine Force, Atlantic. Ela alternou as operações de seu porto de origem com serviços para o Laboratório de Defesa de Minas na Cidade do Panamá, Flórida. Em 1956 e 1957, ela cruzou para o Mediterrâneo para trabalhar com a 6ª Frota, participando de exercícios de remoção de minas com navios de outras marinhas da OTAN, e em 1958 ela carregou o Comandante da Divisão de Minas 43 para o Mar Báltico para exercícios semelhantes. A partir de março de 1959, seu porto de origem foi Little Creek, VA., E no mês seguinte, Dominante embarcou para o serviço no Mediterrâneo mais uma vez. Ela voltou em agosto para operações de teste e exercícios anfíbios até 1962.


Cristandade

cristandade é uma religião monoteísta abraâmica baseada na vida e nos ensinamentos de Jesus de Nazaré. É a maior religião do mundo, com cerca de 2,4 bilhões de seguidores. [1] Seus adeptos, conhecidos como cristãos, constituem a maioria da população em 157 países e territórios, [2] e acreditam que Jesus é o Cristo, cuja vinda como o Messias foi profetizada na Bíblia Hebraica, chamada de Antigo Testamento no Cristianismo, e narrado no Novo Testamento. [3]

O cristianismo permanece culturalmente diverso em seus ramos ocidental e oriental, bem como em suas doutrinas a respeito da justificação e da natureza da salvação, eclesiologia, ordenação e cristologia. Os credos promulgados durante os primeiros sete concílios ecumênicos (que são considerados a base da ortodoxia pela grande maioria dos cristãos do mundo), afirmam que Jesus é o Filho de Deus - o Logos encarnado - que ministrou, sofreu e morreu na cruz , mas ressuscitou dos mortos para a salvação da humanidade e referido como o evangelho, que significa as "boas novas". Descrevendo a vida e os ensinamentos de Jesus, estão os quatro evangelhos canônicos de Mateus, Marcos, Lucas e João, com o Antigo Testamento como o pano de fundo respeitado do evangelho.

O Cristianismo começou como uma seita Judaica do Segundo Templo no século I na província romana da Judéia. Os apóstolos de Jesus e seus seguidores espalharam-se pelo Levante, Europa, Anatólia, Mesopotâmia, Transcaucásia, Egito e Etiópia, apesar da perseguição inicial. Logo atraiu gentios tementes a Deus, o que levou ao afastamento dos costumes judaicos e, após a queda de Jerusalém, em 70 DC, que acabou com o judaísmo baseado no templo, o cristianismo aos poucos se separou do judaísmo. O imperador Constantino, o Grande, descriminalizou o Cristianismo no Império Romano pelo Édito de Milão (313), mais tarde convocando o Concílio de Nicéia (325), onde o Cristianismo primitivo foi consolidado no que se tornaria a igreja estatal do Império Romano (380). A história primitiva da igreja unida do Cristianismo antes de grandes cismas é às vezes referida como a "Grande Igreja" (embora seitas divergentes existissem ao mesmo tempo, incluindo gnósticos e cristãos judeus). A Igreja do Oriente se dividiu após o Concílio de Éfeso (431) e a Ortodoxia Oriental se dividiu após o Concílio de Calcedônia (451) por diferenças na cristologia, [4] enquanto a Igreja Ortodoxa Oriental e a Igreja Católica se separaram no Cisma Leste-Oeste (1054), especialmente sobre a autoridade do bispo de Roma. O protestantismo se dividiu em várias denominações da Igreja Católica na era da Reforma (século 16) por causa de disputas teológicas e eclesiológicas, mais predominantemente sobre a questão da justificação e o primado do bispo de Roma. O Cristianismo desempenhou um papel proeminente no desenvolvimento da civilização ocidental, particularmente na Europa desde o final da Antiguidade e a Idade Média. [5] [6] [7] [8] [9] Após a Era dos Descobrimentos (século 15 a 17), o Cristianismo se espalhou nas Américas, Oceania, África Subsaariana e no resto do mundo por meio do trabalho missionário . [10] [11] [12]

Os quatro maiores ramos do Cristianismo são a Igreja Católica (1,3 bilhão / 50,1%), o Protestantismo (920 milhões / 36,7%), a Igreja Ortodoxa Oriental (230 milhões) e as Igrejas Ortodoxas Orientais (62 milhões) (Igrejas Ortodoxas combinadas em 11,9%), [13] [14] embora existam milhares de comunidades eclesiásticas menores, apesar dos esforços em direção à unidade (ecumenismo). Apesar de um declínio na adesão no Ocidente, o Cristianismo continua a ser a religião dominante na região, com cerca de 70% da população se identificando como Cristã. [16] O cristianismo está crescendo na África e na Ásia, os continentes mais populosos do mundo. [17] Os cristãos continuam perseguidos em algumas regiões do mundo, especialmente no Oriente Médio, Norte da África, Leste da Ásia e Sul da Ásia. [18] [19]


یواس‌اس دامیننت (ای‌ام -۴۳۱)

یواس‌اس دامیننت (ای‌ام -۴۳۱) (به انگلیسی: USS Dominante (AM-431)) یک کشتی بود که طول آن ۱۷۲ ف فوت (۵۲ متر) بود. این کشتی در سال ۱۹۵۳ ساخته شد.

یواس‌اس دامیننت (ای‌ام -۴۳۱)
پیشینه
مالک
آب‌اندازی: ۲۳ آوریل ۱۹۵۲
آغاز کار: ۵ نوامبر ۱۹۵۳
اعزام: ۸ نوامبر ۱۹۵۴
مشخصات اصلی
وزن: 620 toneladas
درازا: ۱۷۲ فوت (۵۲ متر)
پهنا: ۳۶ فوت (۱۱ متر)
آبخور: ۱۰ فوت (۳ ٫ ۰ متر)
سرعت: 15 nós

این یک مقالهٔ خرد کشتی یا قایق است. می‌توانید با گسترش آن به ویکی‌پدیا کمک کنید.


Varredores

Navio de guerra - Wikipedia
Um navio de guerra é um navio da marinha construído e destinado principalmente à guerra naval. Os navios de guerra geralmente pertencem à marinha, embora também tenham sido operados por indivíduos, cooperativas e corporações. Em tempo de guerra, a distinção entre navios de guerra e navios mercantes costuma ser confusa. . Leia o artigo

A mineração do porto de Wonsan, Coreia do Norte em 1950: lições para.
The Mining of Wonsan Harbour, North Korea in 1950: Lessons for Today & # 039s Navy. CSC 1999 Área de assunto e história ndash SUMÁRIO EXECUTIVO Título: A mineração de Wonsan Harbor, Coreia do Norte em 1950: Lições para a Marinha de hoje. . Leia o documento

The Long Tao Varredores - Primavera de 2005
A sabedoria da Marinha então forçou a Divisão de Barcos de Varredura da Mina UM a redesignar seu veterano MSB & rsquos testado em guerra, alguns tendo conseguido até 84 russos. Documento de devolução

ESCOLA DE PÓS-GRADUAÇÃO NAVAL
O Inmarsat é um sistema de satélite predominantemente comercial instalado na maioria dos navios de superfície da Marinha dos Estados Unidos, incluindo: fragatas, cruzadores, varredores e a Naval Postgraduate School Monterey,. Ver fonte completa


Operação End Sweep & mdashTask Force 78 Comandante da Organização Comandante da Frota do Pacífico Sétimo Comandante da Frota Força-tarefa 78 CTG 78.8 Comandante do Esquadrão Anfíbio 1 CTG 78.1 O comandante agora está integrado em cinco unidades AMCM lideradas pela Marinha. * B0 A força-tarefa e a missão do # 039 exigiam a liberação de. Recuperar Documento

Embarcações YP - USCG
& quotYP & quot Vessels Yard Patrol Vessels tripulados por tripulações da Guarda Costeira, 1941-1946 Um navio da Marinha de 70 pés, o antigo La Gonave, operado pela Guarda Costeira de 3 de março de 1942 a 13 de abril de 1943. Originalmente baseado em Essington, Pensilvânia,. Visualizador de Doc

Encontre Doc & laquo Varredores Varredores Equipe suas vassouras: um homem alistado.
DGPPXYU7TQRW # Book & laquo Varredores Varredores Man suas vassouras: A história de um homem alistado Varredores Varredores man suas vassouras: A história de um homem alistado Tamanho do arquivo: 3,95 MB Em suas memórias da Marinha Master Chief aposentado da Marinha, JeF Zahratka, um veterano de vinte e seis anos. Acessar conteúdo

INSTRUÇÕES DE DEGAUSSÃO PARA TODOS OS NAVIOS NAVAIS COILED, EXCETO.
INSTRUÇÕES DE DEGAUSSÃO PARA TODOS OS NAVIOS NAVAIS COILED EXCETO MINESWEEPERS NAVSEA 8950 / 3A (Rev 6-04) Conteúdo Parte 1 - Informações gerais 1.1 Escopo 1.2 Motivo para desmagnetização. Visualizador de Documento

Varredores - Youtube
Fornecido ao YouTube por The Orchard Enterprises Sweepers & middot Música da Banda da Marinha dos EUA para homenagens e cerimônias & # 8471 2006 Coker & amp McCree Inc. & # 8471 2011 Altissimo Lançado o. Veja o vídeo

NÓS.MARINHA FROTA ASIÁTICA COM BASE EM MANILA BAY E CAVITE MARINHA JARDIM
FROTA ASIÁTICA DOS EUA NAVY COM BASE EM MANILA BAY E CAVITE NAVY YARD Comandada pelo Almirante C.Hart e Contra-Almirante Francis. Rockwell. A frota consistia em: um navio-capitânia, o cruzador seis grandes varredores de minas, dois petroleiros e um rebocador oceânico. . Recuperação de Conteúdo

ESCOLA DE PÓS-GRADUAÇÃO NAVAL
Na Força Aérea e Marinha Por: Simba A. Chigwida e Edna Rodriguez Dezembro de 2009 Conselheiros: Philip Candreva, Lawrence Jones Aprovado para distribuição pública é ilimitado. i Escola de Pós-Graduação Naval. Buscar Doc

MINE WARFARE HALL OF VALOR Tripulantes do helicóptero de varredura.
MINE WARFARE HALL OF VALOR Tripulantes de helicópteros de varredura de minas Descarte de material bélico explosivo Divers As citações do prêmio da equipe de demolição subaquática para as medalhas da Cruz da Marinha, Estrela de Prata, Estrela de Bronze e da Marinha e do Corpo de Fuzileiros Navais seguem as próximas páginas dos resumos dos prêmios das unidades. . Documento de Devolução

Lista de caça-minas de classe admirável - Wikipedia
Lista de varredores de minas de classe Admirável Consulte Campo de minas de classe Admirável. Lista do site do Centro Histórico da Marinha dos Estados Unidos. Leia o artigo

Marinha Fale - Ning
Marinha Falar _____ Acrônimos da Marinha APG Advanced Pay Grade Oportunidade de avançar para um nível de pagamento mais alto Lingüistas da Marinha encarregados de coletar informações de inteligência altamente classificadas para os decisores de alto nível da Marinha e rsquos SWEEPERS Ritual de limpeza que envolve varrer áreas designadas. SWAB A esfregona. . Recuperar Conteúdo


US Navy & ldquoBird Boats & rdquo & ndash Quatro gerações de navios de guerra contra minas O primeiro caça-minas da Marinha foi um & ldquoBird boat & rdquo, lançando uma série de varredores de 90 anos ou seus equivalentes com nomes de pássaros em todo o mundo. . Visualizador de Documento

Guerra costeira na segunda guerra mundial
Guerra costeira em! Segunda Guerra Mundial! Seminário Admiralty Trilogy & quot Apresentado por: & quot Clash of Arms Games! Guerra costeira na segunda guerra mundial! Introdução! & ndash Teve a maior frota de MTB de qualquer grande marinha! & ndash barcos MAS = Barcos a motor de ataque especial! . Obtenha o conteúdo aqui

Minesweepers - Parte 1 - YouTube
Minesweepers Parte 2 - Duração: 27:42. Joe Marturano 1.327 visualizações. 27:42. Marinha dos EUA destruindo e afundando seus navios desativados - Duração: 10:49. O Canal das Forças Conjuntas 964.031 visualizações. 10:49. Perigo! (1940) - Desarmando uma Mina - Duração: 2:47. . Veja o vídeo

Johnston Varredores Manual C201 - Loany.co.uk
Leia o manual johnston sweepers c201 como um de seus livros de leitura, pode ser o seu livro adequado para ler agora. Não se trata de quanto custa este livro viagem inesperada ao nascimento da obesidade da marinha americana pontos de vista opostos pontos de vista opostos do vidro. Visualizador de Doc

DEPARTAMENTO DO MARINHA
Ilha Kiska para o Projeto SEAMARK, uma união da Marinha dos EUA-EUA. Aventura do Serviço Nacional de Parques no levantamento de um local de batalha da Primeira Guerra Mundial. O Anchored SAFEGUARD então retornou a Sweepers Cove e, de 22 a 26 de setembro, os reparos essenciais de vazão foram realizados pelo USS CAPE COD. Documento de Devolução

Ministério da Defesa PORTSMOUTH P028BY - Gov.uk
Ministério e meio da Defesa 201 5-00528 Prezado Lançamento de Informações do Comando da Marinha Seção FOI Quartel do Comando da Marinha MP 1-4, Leach Building Whale Island. Recuperar fonte completa

Marinha E Navios Da Guarda Costeira Associados Ao Serviço No Vietnã.
Navios da Marinha e da Guarda Costeira associados ao serviço no Vietnã e exposição a agentes herbicidas varredores de minas e barracas de hidroaviões. Também estão incluídos navios de combate, como contratorpedeiros, quando as evidências mostram que membros da tripulação desembarcaram. . Ver fonte completa

PRESERVAÇÃO DE SUPERFÍCIE - Seabee Online
PRESERVAÇÃO DE SUPERFÍCIE Quase todo mundo esteve envolvido em varredores, processo de limpeza, dia de campo e limpeza de zona envolve praticamente todos os membros, desde o limpador de compartimento até o oficial de inspeção. A vida na Marinha exige que cada um tenha um interesse pessoal em nossas áreas de moradia e trabalho. Visite o Documento

Varredores - NÓS. Marinha Banda - YouTube
Fornecido ao YouTube por TuneCore Sweepers - Banda da Marinha dos EUA e Exército middot, Marinha, Fuzileiros Navais, Força Aérea, Bandas da Guarda Costeira 100 Favoritos da Música Patriótica Tradicional: Use. Veja o vídeo

USS Dominante (AM-431) - Wikipedia
USS Dominante (MSO-431) foi um caça-minas de classe Agile construído para a Marinha dos Estados Unidos. O segundo navio a ser denominado Dominante pela Marinha foi lançado como AM-431 em 5 de novembro de 1953 pela C. Hiltebrant Dry Dock Co., Kingston, Nova York, patrocinado pela Sra. Belle S. Hiltebrant e comissionado 8. Leia o artigo

LIMPEZA DE MINAS O D (25 DE FEVEREIRO, 17 DE MARÇO DE 1
Novas informações sobre os esforços de remoção de minas franceses tornaram-se parte do último livro de P. Nykiel & rsquos, que significa que a marinha aliada tinha, e táticas engenhosas dos defensores, a remoção das minas colocadas nos estreitos era impossível. . Obter Documento


Este é o líder de RBI de todos os tempos em todas as posições & # x27s

Depois de analisar previamente o melhor rebatedor de home run de todos os tempos de cada posição e o líder geral de rebatidas, vamos agora voltar nosso foco para o líder RBI em cada posição no diamante.

Observe que os totais de RBI diferem dependendo da fonte. O Elias Sports Bureau, detentor do recorde oficial da Major League Baseball, reconhece RBIs a partir de 1920, quando a estatística se tornou oficial. Mas a Baseball-Reference compilou retroativamente os números de RBI antes de 1920. Os números de RBI abaixo são de 1920 em diante.

Para o propósito desta história, um jogador deve ter jogado pelo menos dois terços de seus jogos em uma posição para se qualificar como seu líder. Qualquer jogador que jogou pelo menos dois terços de sua carreira no campo externo (independentemente da posição específica do campo externo) qualificou-se no local do campo externo em que jogou mais.

Apanhador: Yogi Berra, 1.430
Berra, que ganhou três prêmios MVP e anéis da World Series suficientes para preencher todos os 10 dedos, é a líder entre os apanhadores com 1.430 RBIs, superando Ted Simmons (1.389), Johnny Bench (1.376), Mike Piazza (1.335) e Ivan Rodriguez (1.332 ) Berra ocupa a quarta posição em home runs (358) e a quinta em acertos (2.150).
Líder ativo: Yadier Molina, 916

Primeira base: Albert Pujols, 2.075
De acordo com Elias, Pujols é um dos apenas três jogadores da MLB com pelo menos 2.000 RBIs, junto com Hank Aaron e Alex Rodriguez. Pujols registrou 100 ou mais RBIs em uma temporada 14 vezes, empatando-o com o A-Rod para o máximo de todos os tempos. Pujols também detém a liderança de home run na primeira base com 656, a sexta maior na história, e está se aproximando de Eddie Murray (3.255) para a Era Moderna (desde 1900) bater a liderança na posição.
Líder ativo: Pujols

Segunda base: Jeff Kent, 1.518
O líder de todos os tempos de home run na segunda base também é o rei do RBI da posição, já que Kent dirigiu em 1.518 corridas para ir com suas 377 bolas longas. Kent teve 128 RBIs como o melhor pessoal em 1998 e concedeu outros 125 RBIs em 2000, quando ganhou o Prêmio MVP da Liga Nacional. Ao todo, Kent ultrapassou a marca de 100-RBI em oito temporadas.
Líder ativo: Robinson Cano, 1.272

Terceira base: Adri & # 225n Beltr & # 233, 1.707
Embora Beltré tenha atingido apenas 100 RBIs em cinco de suas 21 temporadas, sua longevidade permitiu-lhe coletar 1.707 RBIs em sua carreira, mais do que qualquer outro homem de terceira base. Beltré também é o líder em rebatidas do canto quente (3.166) e o terceiro em home runs (477). Sua alta carreira em RBIs (121) veio em 2004 com os Dodgers, um ano em que ele atingiu 0,334 com 48 homers.
Líder ativo: Evan Longoria, 1.015

Shortstop: Cal Ripken Jr., 1.695
Enquanto jogava em um recorde de 2.632 jogos consecutivos de 30 de maio de 1982 a 19 de setembro de 1998, Ripken acumulou 1.494 RBIs. Esse total por si só teria sido suficiente para liderar todos os shortstops, mas Ripken contabilizou 201 RBIs adicionais pelo resto de sua carreira, dando-lhe uma vantagem significativa sobre Joe Cronin (1.424). Ripken também detém a liderança posicional em home runs (431).
Líder ativo: Elvis Andrus, 629

Campo esquerdo: Barry Bonds, 1.996
Bonds detém uma ligeira vantagem sobre Stan Musial (1.951 RBIs) para a liderança de campo esquerdo em RBIs. O rei dos home runs de todos os tempos da MLB ficou dentro de quatro RBIs de 2.000, registrando 1.996 RBIs junto com seu recorde de 762 home run e 2.558 caminhadas. O rebatedor teve um recorde de carreira de 137 RBIs em 2001, o mesmo ano em que estabeleceu o recorde de uma única temporada da MLB com 73 homers.
Líder ativo: Ryan Braun, 1.128

Campo central: Willie Mays, 1.903
Indiscutivelmente o maior jogador de todos os tempos, Mays acumulou inúmeros elogios durante sua carreira, incluindo dois prêmios MVP, 12 luvas de ouro e 24 seleções All-Star. O jogador de campo do Hall of Fame também é um dos seis jogadores a registrar 500 home runs e 3.000 rebatidas, e terminou com 1.903 RBIs, superando Ken Griffey Jr. (1.836) pela liderança na posição.
Líder ativo: Matt Kemp, 1.010

Campo direito: Hank Aaron, 2.297
Bonds pode tê-lo ultrapassado na liderança de home run de todos os tempos, mas Aaron ainda tem mais RBIs do que qualquer outro jogador da MLB. Aaron dirigiu 100 ou mais corridas em 11 temporadas e teve mais sete anos com pelo menos 86 RBIs. Suas 18 temporadas com mais de 80 RBIs são as mais na história das grandes ligas.
Líder ativo: Nick Markakis, 1.031

Rebatedor designado: David Ortiz, 1.768
Ortiz lidera todos os rebatedores designados em homers e rebatidas, e nenhum outro DH chega perto dele em RBIs. Depois de atingir o máximo de 75 RBIs em seus primeiros seis anos com os Twins, Big Papi assinou com o Red Sox e postou mais de 100 RBIs em 10 de suas 14 temporadas finais. Ele saiu com uma nota alta, liderando a AL com 127 RBIs enquanto acertava 0,315 com 38 homers em 2016.
Líder ativo: Shohei Ohtani, 123

Jarro: Red Ruffing, 273
Enquanto Wes Ferrell detém a liderança de home run (38) e Walter Johnson é o rei dos rebatidas da Era Moderna (547) entre os arremessadores, é Ruffing quem tem a coroa posicional RBI. Um rebatedor vitalício de 0,269, Ruffing acertou 36 home runs e dirigiu 273 corridas, enquanto também venceu 273 jogos com um ERA de 3,80 no montículo. Ele foi eleito para o Hall da Fama em 1967, seu último ano na votação.
Líder ativo: Adam Wainwright, 71


Políticas aprovadas ainda não eficazes

Políticas com Mudanças que incluem revisões devido à Integração CMDP de Serviços de Saúde Comportamental

De acordo com as Leis de 2019, 1ª Sessão Ordinária, Capítulo 305, os serviços de saúde comportamental para crianças sob custódia da DCS foram antecipados para a transição dos Contratantes RBHA para DCS / CMDP a partir de 1º de outubro de 2020. No entanto, esta implementação foi adiada. Revisões que já foram concluídas para ACOM e políticas de AMPM e anexo (s), relacionadas a esta integração antecipada [listado no documento fornecido abaixo], permanecerão nas políticas afetadas, mas não serão aplicáveis ​​até o momento em que a integração dos serviços de saúde comportamental do CMDP for implementada. As revisões não relacionadas à integração dos serviços de saúde comportamental para membros do CMDP continuarão em vigor em 1º de outubro de 2020.


Gestão

EDUCAÇÃO E RESSURANÇA DO PACIENTE

Uma vez feito um diagnóstico provisório de dor na parede abdominal, é importante explicar o diagnóstico ao paciente. O paciente pode estar preocupado com as implicações da dor. Além disso, ter que se submeter a uma longa série de testes diagnósticos pode reforçar a ansiedade do paciente. Nesse cenário, a dor pode ter vida própria.

Se houver evidência de uma fonte benigna de dor na parede abdominal em vez de uma doença interna séria, deve-se tranquilizar. O médico pode demonstrar como a palpação suave do ponto-gatilho da dor pode reproduzir a dor e sua radiação em uma ampla área do abdômen. O médico deve explicar que a dor idiopática da parede abdominal é semelhante à dor idiopática nas costas ou no ombro, em que a estrutura envolvida não pode ser descrita com precisão e a causa da dor não pode ser identificada com exatidão.

TESTE DE ANESTÉSICO LOCAL

Muito já foi escrito sobre o tratamento da dor miofascial idiopática.20,21 O ponto-gatilho da dor na parede abdominal pode ser tratado com a injeção de um pequeno volume de anestésico local. Assim que o paciente identifica o ponto-gatilho com um dedo, o médico marca & # x201 marca os dedos ao redor da área para identificar o centro do ponto sensível, que geralmente tem 1 a 2 cm de diâmetro.

Uma seringa de tuberculina com uma agulha de 5/8 de polegada é então usada para injetar alguns décimos de um mililitro de lidocaína a 1 por cento (xilocaína) no local mais sensível. Uma agulha mais longa pode ser necessária em um paciente obeso. O ponto de gatilho é identificado quando a ponta da agulha causa sensibilidade acentuada.

A injeção de anestésico local serve como uma tentativa terapêutica e pode não proporcionar alívio permanente. No entanto, um número significativo de pacientes experimenta alívio da dor após uma ou duas injeções.5 Um dos principais objetivos da injeção no ponto-gatilho é confirmar a parede abdominal como a fonte da dor. Além disso, essa manobra simples pode ajudar a persuadir um paciente cético de que a parede abdominal é, de fato, a fonte da dor.

ANESTÉSICO LOCAL E ESTERÓIDE

Para um alívio mais permanente da dor, geralmente é útil injetar uma mistura de anestésico local e corticosteroide. Os esteróides provavelmente reduzem a inflamação ou resultam no estreitamento do tecido conjuntivo ao redor das raízes nervosas doloridas.

Apenas alguns décimos de mililitro de uma mistura 1: 1 de lidocaína a 1 ou 2 por cento e triancinolona (Aristocort, em uma concentração de 40 mg por mL) são necessários (em qualquer caso, menos de 1 mL), portanto, menos de 20 mg de triancinolona é usado. Se o local correto for injetado, a dor deve ser aliviada imediatamente, mas pode retornar em algumas horas, quando os efeitos da lidocaína passarem. A triancinolona pode fazer efeito lentamente ao longo de um ou dois dias e, então, proporcionar um alívio a longo prazo.

Mais de uma injeção pode ser necessária, dada a natureza imprevisível desse tratamento. Essas injeções podem ser usadas para tratar um ponto-gatilho sensível em uma cicatriz cirúrgica (um suposto neuroma). Se os cuidados razoáveis ​​forem tomados, os riscos associados às injeções devem ser mínimos. Injeções repetidas ou doses maiores de corticosteroide podem causar afinamento da fáscia e resultar em hérnia. Por esse motivo, os esteróides do tipo depósito não devem ser usados ​​na fáscia.

FENOL

O alívio permanente da dor com anestesia pode ser obtido com injeções de fenol no ponto-gatilho da dor.22 Essas injeções devem ser administradas por um anestesiologista ou um subespecialista em tratamento da dor. O encaminhamento a um subespecialista também pode ser considerado para pacientes que apresentam dor mais generalizada relacionada à irritação de uma raiz nervosa torácica ou intercostal.

OUTROS TRATAMENTOS

Além da injeção de medicamentos, & # x201cdry & # x201d agulhar os pontos-gatilho da dor sem medicação tem sido usado com algum sucesso.23 Um ensaio de acupuntura ou outro tratamento alternativo pode ser considerado.

A dor miofascial no abdômen e em outras partes também foi tratada com várias combinações de massagem, fisioterapia com alongamento e sprays anestésicos tópicos de resfriamento.20 Imersões mornas e outros métodos locais podem ser úteis.

DISFUNÇÃO PSICOLÓGICA E DOR

Se a angústia causada pela dor de um paciente parecer desproporcional a outros achados, a presença de depressão ou outra disfunção psicológica deve ser considerada. A dor que normalmente seria um incômodo menor pode se tornar o foco da somatização e ser muito ampliada pela depressão.

Um antidepressivo tricíclico, administrado em uma dosagem baixa que minimiza a sedação e os efeitos colaterais anticolinérgicos, pode ser útil no alívio da dor.24 Antagonistas seletivos da recaptação da serotonina podem ser menos eficazes do que os antidepressivos tricíclicos no alívio da dor crônica.


Às 4h31, uma foto não autorizada tirada de Stalin dentro do Kremlin mostra o momento em que ele foi informado de que a Alemanha havia começado a invasão da União Soviética. Ela foi tirada por Komsomolskaya Pravda, editor-chefe. Ele recebeu ordens de destruí-lo, mas em vez disso o salvou. 22 de junho de 1941. [720x1003]

Precisamos de um tempo para limpar essa bagunça. Sim, o título pode ser impreciso, mas parece legítimo (potencialmente mais informações para falantes de russo aqui, diz que a imagem é de agosto & # x2741 quando os alemães estavam tomando Kiev).
E sim, Stalin era um idiota, todo mundo tem certeza disso. Não sejam rudes uns com os outros, por favor.

Aguarde enquanto analisamos algumas centenas de relatórios.

Atualização: Eu vi frases & quotf-ing tankie & quot ou & quotLooks like Trump & quot mais vezes do que posso contar e provavelmente não vai parar se desbloquearmos este tópico novamente. Desculpe pessoal, até a próxima. Este está fechado.


Melhorias e correções na atualização

Atualizações de abril de 2021

Lançamento de 02 de abril

As seguintes atualizações estão disponíveis para dispositivos Surface Book 2 executando a atualização do Windows 10 de maio de 2019, versão 1903 ou superior.

Nome do histórico do Windows Update

Intel Corporation - Display - 20.100.8682

Intel (R) UHD Graphics 620 (15 ") - Adaptadores de vídeo

Melhora os gráficos e a estabilidade do sistema.

Intel Corporation - Display - 27.20.100.8682

Intel (R) HD Graphics 620 (13 ") - Adaptadores de vídeo

Melhora os gráficos e a estabilidade do sistema.

Driver do Surface ACPI Notify - Dispositivos do sistema

Melhora a experiência de atualização do driver gráfico.

Intel - Extensão - 1952.14.0.1470

Cliente Intel (R) ICLS - Extensão

Aborda atualizações de segurança e melhora a estabilidade do sistema.

Intel - SoftwareComponent - 1.62.321.1

Cliente Intel (R) ICLS - Dispositivos de software

Aborda atualizações de segurança e melhora a estabilidade do sistema.

Intel - Sistema - 2040.100.0.1029

Intel (R) Management Engine Interface - Dispositivos do sistema

Aborda atualizações de segurança e melhora a estabilidade do sistema.

Superfície - Sistema - 6.105.139.0

Dispositivo de serviço de integração de superfície - dispositivos do sistema

Aborda atualizações de segurança e melhora a estabilidade do sistema.

Superfície - Firmware - 11.8.82.3838

Aborda atualizações de segurança e melhora a estabilidade do sistema.

Superfície - Firmware - 390.3681.768.0

Aborda atualizações de segurança e melhora a estabilidade do sistema.

As seguintes atualizações estão disponíveis para todos os dispositivos Surface Book 2 executando a atualização do Windows 10 de maio de 2019, versão 1903 ou superior.

Nome do histórico do Windows Update

Realtek Semiconductor Corp. - SoftwareComponent - 11.0.6000.92

Aplicativo de suporte de hardware Realtek - componentes de software

Melhora o desempenho de áudio durante o streaming de conteúdo.

Realtek Semiconductor Corp. - Mídia - 6.0.8936.1

Áudio de alta definição Realtek (SST) - controladores de som, vídeo e jogos

Melhora o desempenho do áudio e resolve a verificação de bugs do sistema associada.

Realtek Semiconductor Corp. - Extensão - 6.1.0.6

Extensão Realtek de áudio de alta definição (SST) - sem notas do Gerenciador de dispositivos

Melhora a integração entre os serviços do sistema.

Integração de superfície - dispositivos do sistema

Melhora a integração entre os serviços do sistema.

As seguintes atualizações estão disponíveis para todos os dispositivos Surface Book 2 executando a atualização do Windows 10 de maio de 2019, versão 1903 ou superior.

Nome do histórico do Windows Update

NVIDIA - Display - 27.21.14.5167

NVIDIA GeForce GTX 1050 - adaptadores de vídeo

NVIDIA GeForce GTX 1060 - adaptadores de vídeo

Aborda atualizações de segurança e melhora a estabilidade do sistema.

As seguintes atualizações estão disponíveis para todos os dispositivos Surface Book 2 executando a atualização do Windows 10 de outubro de 2018, versão 1809 ou superior.

Nome do histórico do Windows Update

Intel Corporation - Sistema - 30.18305.6.12414

Intel® AVStream Camera 2500

Melhora a experiência da câmera do Windows Hello e resolve problemas de estabilidade.

Intel Corporation - Sistema - 30.18305.6.12414

Melhora a experiência da câmera do Windows Hello e resolve problemas de estabilidade.

Intel Corporation - Sistema - 30.18305.6.12414

Controlador host Intel® CSI2

Melhora a experiência da câmera do Windows Hello e resolve problemas de estabilidade.

Intel Corporation - Sistema - 30.18305.6.12414

Processador de sinal de imagem Intel® 2500

Melhora a experiência da câmera do Windows Hello e resolve problemas de estabilidade.

Intel Corporation - Sistema - 30.18305.6.12414

Frente da câmera Intel® Microsoft

Melhora a experiência da câmera do Windows Hello e resolve problemas de estabilidade.

Intel Corporation - Sistema - 30.18305.6.12414

Intel® Microsoft Camera IR

Melhora a experiência da câmera do Windows Hello e resolve problemas de estabilidade.

Intel Corporation - Sistema - 30.18305.6.12414

Traseira da câmera Intel® Microsoft

Melhora a experiência da câmera do Windows Hello e resolve problemas de estabilidade.

Superfície - Firmware - 390.3279.768.0

Resolve um problema em que a CPU diminui para 0,4 GHz e * melhora a confiabilidade do carregamento inteligente da bateria.

Para saber mais sobre o carregamento inteligente, consulte Cuidando da bateria do Surface.

As seguintes atualizações estão disponíveis para todos os dispositivos Surface Book 2 executando a atualização do Windows 10 de outubro de 2018, versão 1809 ou superior.

Nome do histórico do Windows Update

Atualização de firmware do Surface Base 2

Aprimora a confiabilidade do Surface Dock 2 durante cenários Wake On LAN e melhora a estabilidade geral.

Surface - Firmware - 2.49.139.0

Aprimora a confiabilidade do Surface Dock 2 durante cenários Wake On LAN e melhora a estabilidade geral.

Aprimora a confiabilidade do Surface Dock 2 durante cenários Wake On LAN e melhora a estabilidade geral.

Dispositivo de Serviço de Integração de Superfície - Sistema

Melhora a confiabilidade do Surface Dock 2 durante cenários de autenticação.

Surface - Firmware - 182.2107.139.0

Surface System Aggregator - Firmware

* Melhora a confiabilidade do carregamento inteligente da bateria.

Observação: Para saber mais sobre o carregamento inteligente, consulte Cuidados com a bateria do Surface.


Dominante-AM-431 - História

Durante os reinados de Nero, Galério, Domiciano e Diocleciano, houve perseguições específicas em todo o império da Igreja Cristã. Ao longo do período de Nero a Diocleciano (c. 64 - 312 d.C.), ocorreram frequentes perseguições regionais e locais. A reclamação comum era que os cristãos não eram cidadãos leais do império porque se recusavam a participar do culto ao imperador, o que significava os sacrifícios feitos nos templos pagãos. Localmente, havia raiva dos cristãos porque eles se recusavam a participar das religiões e rituais pagãos locais, trazendo assim, temia-se, a ira dos deuses sobre a comunidade local.

A perseguição foi compensada por tempos de relativa paz e liberdade de culto. E a fé cristã espalhou-se rapidamente por todo o império, substituindo o paganismo local e sustentado pelo império.

Com a tomada do poder por Constantino em 312 DC, ocorreu uma transformação total na relação entre o Império e a Igreja Cristã. Quando Constantino foi convertido à fé em Cristo em 312 DC, um cristão agora estava sentado no trono e a Igreja havia conquistado o Império.

Parte Um: Perseguição dos Primeiros Cristãos

6.1 Nero e o incêndio de Roma em 64 d.C.

Roma era a capital do Império, mas faltava-lhe a grandeza de uma capital mundial com suas ruas estreitas e edifícios de madeira. Ou assim pensou o imperador Nero.

O imperador Nero, o último da linhagem Juliana de imperador, tinha planos melhores em mente. Fiel às suas visões de imensa autoestima, ele se via como o maior arquiteto do mundo - além de ser o melhor cocheiro, artista, músico e dramaturgo autoproclamado. Ele submeteu planos ao Senado para uma Roma totalmente reestruturada. Quando o Senado estimou o custo do projeto, rejeitou-o totalmente.

Para não ser frustrado pelo Senado, Nero tinha outro plano.

Em 19 de julho do ano 64 d.C., um incêndio eclodiu misteriosamente em Roma. O fogo se espalhou de bairro em bairro entre as estruturas de madeira. Grupos de bandidos de rua foram pegos espalhando o fogo, alegando estar operando sob as ordens de uma autoridade civil. O Senado e o público em geral logo presumiram que o culpado era Nero.

Diz a lenda que Nero “tocou violino enquanto Roma queimava”. History does confirm that during the fire Nero appeared on stage and lamented the fire as another major drama, much like the defeat of the ancient Troy.

Nero attempted to deflect the focus from himself through acts of civil charity, opening his palace to house the homeless, and supervising food lines for the hungry. However, the rumors persisted that Nero was at fault.

To deflect attention from himself he placed the blame on the Christians in Rome, announcing that the fire was part of a greater plot to overthrow the empire.

He instigated a persecution of Christians and systematically, under torture, gained the names of Christians and their leaders from those initially interrogated. Perhaps the clearest example of the madness of Nero and the evil that consumed him was his evening garden parties which he lit by tying Christians to poles, soaking them with oil, and using them as human torches.

Some of the Christians were fed to wild beasts in the colosseum, with Nero, himself presiding as the grand master of the games. Others were submitted to all kinds of degrading acts in front of the spectators. So intense was the persecution that soon public sentiment swung behind the Christians and the city realized that Nero was merely attempting to cover up his own guilt.

The persecution spread beyond Rome into other regions of the empire. A countless number of Christians, young and old, perished.

The people realized that Christians were being put to death not for starting the fire but to cover Nero's crimes and to sate his appetite for cruelty. Compassion for the meek followers of Jesus, whose blameless conduct was apparent to many, led to a new wave of conversions.

The hostility lasted through 67 A.D. when it resulted in the arrest and murder of the Apostles Peter and Paul and Peter’s wife. Peter was forced to watch as his wife was murdered. He then was condemned to be crucified in the same manner as Jesus. Peter request was granted to be crucified upside-down, because he was not worth, he said, to die in the same manner as Jesus. Paul, a Roman citizen was beheaded rather than crucified.

The activities of Nero during the years 64-67 A.D. disgusted the Roman legions. At one point Nero disappeared from Rome for a full year, having traveled to Greece to participate as “the world’s greatest athlete” in the Olympic games. He also organized chariot races in Rome and required the public and the Senate to attend, while he raced as “the world’s greatest charioteer.” There were command performances also featuring Nero as a singer, a harpist, and actor.

Finally, in 68 A.D., upon learning that the legions from Spain had enough of his insanity and were marching towards Rome to remove him as emperor, Nero committed suicide.

6.2 Charges Brought Against Christians in the Empire

Persecution was intermittent for the early Christians in the empire. It would occur periodically in one region, then another, and often not empire-wide. There were empire-wide periods of persecution, however, under the emperors Nero, Domitian in the late first century, and Diocletian in the late second century.

Local persecution usually resulted from false charges brought against Christians. They were accused of a number of crimes.

As with Paul in Philippi (see Acts 19:21 ff.), Christians were accused of disrupting business and commerce . Porque? Because in some areas they had become so numerous that no one shopped at the local meat market where meat was sold for sacrifice to the pagan idols. Trinkets used to ward off the evil spirits went unsold. Animals bred to be slaughtered for sacrifice in pagan temples went unsold. In other words, the stock market for items related to pagan worship crashed!

The celebration of the Lord’s Supper led to accusations of cannibalism . Stories about how the Christians “ate and drank the body and blood of Jesus” were usually the basis for this misunderstanding.

They were accused of being atheists , because the God they worshipped could not be seen, there were no statues erected to him by the Christians, and, hence, he probably did not exist. Further, they refused to join in the worship of the gods that could be easily seen in the local temples.

Famines, fires, earthquakes and other natural disasters were blamed on the Christians. Porque? Because of the Christians’ refusal to worship the local gods and the emperor, the gods poured out their wrath on the community.

They were viewed as just being very weird and nonconformists ! The Roman Empire valued tradition. Even the Roman legions refused to go into battle without first having participated in traditional rituals. Taboos, totems, wearing talismans, honoring the gods were all part of tradition. Anything contrary simply rocked the boat and disrupted business as usual and threatened peace and security.

Addressing each other as “brother” and “sister” and “mother” and “father” when there were no apparent natural blood ties, and referring to themselves as “a family” started rumors of incest and crazy relationships. The Roman culture was sex-crazed as it was. Male and female prostitutes were everywhere, extra-marital affairs were the norm, unwanted pregnancies ended in either abortion or infant exposure easily presumed incestual relationships were being practiced by the Christians.

An example of how a civil magistrate responded to Christians is found in a letter by Pliny the Younger (c. 112 A.D.), who served under the emperor Trajan, and whose responsibilities included hunting down Christians in the Province of Bithynia (located in present-day Turkey just to the east of Constantinople). When reporting to Trajan how he handled the interrogation of Christians, he responded:

“Meanwhile, this is the course that I have adopted in the case of those brought before me as Christians. I ask them if they are Christians. If they admit it I repeat the question a second and a third time, threatening capital punishment if they persist I sentence them to death. For I do not doubt that, whatever kind of crime it may be to which they have confessed, their pertinacity and inflexible obstinacy should certainly go punished. There were others who displayed a like madness and whom I reserved to be sent to Rome, since they were Roman citizens.” (Plin. Epp. X [ad Traj.], xcvi. Cited in Documents of the Christian Church, Henry Bettenson, Oxford University Press, 1963, p. 3).

The Christian Martyrs' Last Prayer (1883). Jean-Leon Gerome (1824-1904) Painting currently maintained by the Walters Art Gallery in Baltimore, Maryland. Image online, courtesy Wikimedia Commons)

For specific stories of early Christian martyrs, go see the following web sites:

6.3 Examples of Bishops Ignatius, Polycarp, and Christians in Vienna

Ignatius , Bishop of Antioch , Syria was eighty years old when he was put to death in December 107 A.D. His crime? He was a bishop or leader in the Christian Church and one way to attack to whole group is to eliminate their leaders.

As he made his way from Antioch to Smyrna in present-day northern Turkey, Ignatius was greeted by Christians at each stopping point. Some urged him to go into hiding. In his letter to the church at Rome he wrote:

“I write to all the Churches, and impress on them all, that I shall willingly die for God, unless ye hinder me. I beseech of you not to show an unreasonable goodwill towards me. Suffer me to become food for the wild beasts, through whose instrumentality it will be granted me to attain to God. I am the wheat of God, and am ground by the teeth of the wild beasts, that I may be found the pure bread of God. Rather entice the wild beasts, that they may become my tomb, and may have nothing of my body. . . . Then shall I be a true disciple of Jesus Christ, when the world shall not see so much as my body. Entrust the Lord for me, that by these instruments I may be found a sacrifice to God.” (Ep. to the Romans, iv, 1v., p. 75. Cited in A Guide to the Teachings of the Early Church Fathers, Robert R.Williams, Wm. B. Eerdmans Publishing Company, Grand Rapids, Michigan, 1960, p. 19).

Polycarp, Bishop of Smyrna (155 A.D.) is a frequently cited example of Christian courage.

At the festival of Caesar in Smyrna (near Ephesus in present-day western Turkey) a number of Christians were forced to fight against wild beasts at the local games. Their bravery was such that the crowd of spectators shouted, “Away with the atheists let search be made for Polycarp.”

Hearing this, Polycarp decided to remain in the city, but the other Christians urged him to leave and hide at a series of local farms. His whereabouts were discovered by the authorities by torturing two young Christian men. When the men sent by the the local sheriff, named Herod, arrived at his hiding place, he talked with them and asked for them to be served food and drink, because it was late in the day. He then asked that he might be given one hour alone for prayer.

As he entered the stadium, a voice from heaven said to Polycarp, “Be strong, Polycarp, and play the man.” The voice was heard by other Christians who were present. He was then questioned by the Proconsul (Governor) if he was indeed Polycarp. He then said to Polycarp, “Swear by the genius of Caesar. Repent. Say, ‘Away with the atheists! Swear, and I will release thee curse the Christ.’” Polycarp responded, “Eighty and six years have I served him, and he hath done me no wrong how then can I blaspheme my king who saved me?” He then said to the Governor, “If thou dost imagine that I would sear by the genius of Caesar, as thou sayest, pretending to not know what I am, hear plainly that I am a Christian. And if thou are willing to learn the doctrine of Christianity, grant me a day and hearken to me.”

When threatened that he would be fed to wild beasts, Polycarp responded, “Send for them. For repentance from better to worse is not a change permitted to us but to change from cruelty to righteousness is a noble thing.” Then he was threatened with fire, to which he replied, “Thou threatenest the fire that burns for an hour and in a little while is quenched for thou knowest not of the fire of the judgement to come, and the fire of the eternal punishment, reserved for the ungodly. But why delayest thou? Bring what thou wilt.” The crowd, reportedly made up of both Gentiles and Jews then roared, “This is the teacher of Asia, the father of the Christians, the destroyer of our gods, that teacheth many to not sacrifice nor worship.”

He was then prepared for the stake. When they began to nail him to the stake he requested, “Let me be as I am. He that granted me to endure the fire will grant me also to remain at the pyre unmoved, without being secured with nails.” After he prayed, the fire was then lit. What happened next is to extraordinary that the literal report must be cited here.

“And a great flame flashed forth: and we, to whom it was given to see, we held a marvel. . . . The fire took the shape of a vault, like a ship’s sail bellying in the wind, and it made a wall round the martyr’s body and there was the a body in the midst, like a loaf being baked or like gold and silver being tried in the furnace. . . . So at length the lawless ones, seeing that his body could not be consumed by the fire, bade an executioner approach him to drive in a dagger. And when he had done this there came out [a dove and] abundance of blood so that it quenched the fire, and all the multitude marveled at the great difference between the unbelievers and the elect. . . “

(From A letter from the Church of Smyrna. The first Martyrology . Cited in Documents of the Christian Church , Henry Bettenson, Oxford University Press, 1963, pp. 9-12).

Persecution in Vienna and Lyons (present-day Austria and France)

“The servants of Christ who sojourn in Vienna and Lugdunum of Gaul to the brethren throughout Asia and Phrygia who hold the same faith and hope as we do of redemption peace, grace and glory from God the Father and Christ Jesus our Lord. We are not competent to describe the magnitude of the tribulations here, the extent of the rage of the Gentiles against the saints and the sufferings of the blessed martyrs. . . Not only were we excluded from public buildings, baths and markets, but even the mere appearance of any one of us was forbidden,in any place whatsoever. . . Now the blessed Pothinus, who had been entrusted with the ministry of the bishopric of Lugdunum, and was more than ninety years of age and quite feeble in body . . . was brought to the judgement seat, scorned by the city magistrates and all the rabble, with all kinds of hooting. And being asked by the governor who was the God of the Christians, he said, ‘If thou be worthy, thou shalt know.’ Whereupon he was pulled about without pity, those nearest maltreating him in every way with hands and feet, while those at a distance hurled at hime whatever came to hand, every one thinking it a great neglect and impiety if any wantonnness were left untried fo so they thought to avenge their gods. . . . ” (The Epistle of the Gallican Churches: ap. Eusebius, H.E.V.i.Cited in Documents of the Christian Church, Henry Bettenson, Oxford University Press, 1963, pp. 12-13)

What’s Worth Knowing in Section One?

The Julian line and their successors attempted at every turn to eliminate the new, radical religion erupting from Jerusalem, with this self-styled “King of the Jews” as their fabled leader. They even claimed that he had risen from the dead!

Now with the ascension to the throne of Constantine, the Christian faith had become through the Edict of Milan in AD 313 a legal religion in the empire and by AD 380 was THE religion of Rome.

1. The Christian Faith spread rapidly throughout the Empire after the destruction of Jerusalem in 70 A.D.

2. By 100 A.D. missionaries had traveled to Africa, Egypt, England, Spain, France, India, and China.

3. Setting the example for the missionary enterprise were the Apostles themselves, each having traveled widely for the remainder of their lives.

4. Although the Arian doctrine was rejected at the Council of Nicea in 325 AD, it was the version of the Christian Faith that was carried to the Visigoths and the Ostrogoths and to which they were originally converted from heathenism.

5. Constantine was the first Christian emperor and issued the Edict of Milan in 313 A.D.

6. Constantine struggled with the issue of how the State and Church would relate and interact.

7. At the death of Constantine, the Empire was divided among his three sons.

8. At the early death of Constantine II, the Empire was speedily divided between Constantius and Constans, who rigorously attacked the remnants of pagan worship in the empire and in 346 AD issued a joint edict ordering all pagan temples to be closed, and forbade sacrifices on the pain of death.

9. After Constans and Constantius died, Julian came to power in 361 A.D. He hated everything Constantine and his sons stood for and did much to restore paganism in the empire. He died in 363 in a war with Persia, and was the empire’s last pagan emperor.

10. Valens and Valentius became emperors of the East and West respectively, Theodocius succeeded them. He was committed to the faith of the West, the anti-Arian postion of Nicea, and with co-emperor Gratian, in 380 A.D. issued the edict declaring (1) the Christian faith to be the official and only recognized religion of the empire, and (2) that the viewpoint of Nicea was the only acceptable form of Christian doctrine.

11. Leading Christian centers of power and scholarship in the empire were Alexandria, Jerusalem, Damascus, Constantinople, and Rome.

12. Theodocius, to assure orthodoxy, urged all Christians, to especially revere the leadership of the bishops in Alexandria and Constantinople. This shows the heavy influence of the bishop Ambrose on Theodocius.

13. At the death Theodocius in 395 AD the East and West Empires split permanently.

What you will know and be able to do . . .

• Describe and identify where each of the original Apostles went in their missionary travels and what impact they made. [WHS 3.3B.6]

• List at least five reasons for the strength and growth of the Christian faith enabling it not only to survive, but also to dominate the empire. [WHS 3.3B.7]

• List the five leading Christian centers in the empire in the 4th century AD.

• Recite from memory John 1:1-3, 14 and use in a brief written statement John 1:1-3 to refute the Arian doctrine. [WHS 5.1A.9 ]

• Analyze how the Council of Nicaea stabilized and unified Christianity in the 4 th century A.D. [WHS 5.1A.6 ]

• Identify the descendants of Arius in the 21st century. [WHS 5.1A.9 ]

• Analyze various causes that historians have proposed to

account for the decline of the Western Roman empire.

• Analyze the perspectives offered by Gibbon. [WHS 5.1A.1]

• Analyze comparatively the collapse of the western part of the

classical Roman Empire and the survival of the eastern empire

• Describe the consolidation of the Byzantine state after the

breakup of the Roman Empire and assess how Byzantium

preserved ancient traditions and created a new Christian

• Analyze the contributions of Constantine to the growth of

Christianity from a banned to a legally acceptable religion in the

• Explain the contributions of Constantine and Theodocius on the emerging growth of Christianity in the Roman Empire. [WHS 5.1A.11]

• Analyze the rejection by the four other Patriarchies of the Church of the claims of superiority issued by the patriarchy of Rome. [WHS 5.1A.12]


Assista o vídeo: РАЗБОР ПО КОСТОЧКАМ, ЕГО МНЕНИЕ О ВАС НА РАЗНЫХ УРОВНЯХ.. (Janeiro 2022).