Guerras

Qual era a doutrina de Truman?

Qual era a doutrina de Truman?

A Doutrina Truman surgiu de um discurso do Presidente Harry Truman, mas informalmente se tornou a base da política externa dos EUA durante a Guerra Fria e depois. Os historiadores costumam se referir ao discurso de Truman como o dia em que a Guerra Fria começou, porque a política era voltada para conter a expansão da União Soviética e do comunismo. Anteriormente, os EUA sempre tinham a postura de se retirar de conflitos que não estavam afetando diretamente os EUA, mas após a aprovação da Doutrina de Truman, as intervenções começaram a acontecer com mais frequência em países distantes.

Causa Direta

Após o início da Guerra Civil Grega, em 1945, contra o Partido Comunista Grego, a Grã-Bretanha, tendo apoiado a Grécia por anos, estava quase falida e teve que retirar a maior parte de seu apoio. Em 1947, a Grã-Bretanha pediu aos EUA que assumissem esse papel e Truman fez seu famoso discurso durante uma sessão conjunta do Congresso em um apelo para fornecer assistência financeira militar e militar. Ele também pediu apoio à Turquia, que apresentava problemas semelhantes. Truman disse que sua Doutrina seria uma política dos EUA que apóia pessoas livres que são ameaçadas por minorias armadas e pressões externas. Na época, Truman pensava que a União Soviética estava apoiando ativamente os comunistas gregos, o que também pode ter influenciado sua decisão. O Congresso foi controlado pelos republicanos, que apoiaram essa política e enviaram US $ 400 milhões para a Grécia e conseguiram acabar com a ameaça sem intervenção militar. Ambos os países aderiram à Otan em 1952, na qual sua proteção é garantida por meio de uma aliança militar.

Este artigo é parte de nossa maior coleção de recursos sobre a Guerra Fria. Para um resumo abrangente das origens, eventos principais e conclusão da Guerra Fria, clique aqui.


Assista o vídeo: Doutrina Truman - História - Plus no ENEM (Outubro 2021).